IABAS lança nova edição do Código de Ética


em 24/10/2018

Foi lançada, no dia 19 de setembro, a nova edição do Código de Ética do IABAS. O evento de lançamento aconteceu na sede do IABAS em São Paulo. O documento substitui a primeira versão, publicada em 2012, trazendo atualizações de acordo com as leis de integridade empresarial sancionadas a partir de 2013. As diretrizes estabelecidas nas leis referidas, ressalta Nancy Tancsik, da área de Compliance do IABAS, já são adotadas no cotidiano do Instituto, e agora estão formalizadas na atualização do Código.

“O Código de Ética para a nossa Instituição, representa padrões de condutas esperados dos nossos empregados, colaboradores, prestadores de serviço e de todas as pessoas que mantenham relação com o Instituto para a obtenção da excelência na prestação de serviços de saúde à população”, explica ela.

Com a edição da Lei 12.846/13, conhecida como Lei Empresa Limpa ou Lei Anticorrupção, e das leis Municipal e Estadual do Rio de Janeiro e Estadual do Mato Grosso do Sul, os comportamentos e ações esperados das pessoas que se relacionam com a administração pública foram regulamentados, expressamente, a fim de não deixar dúvida sobre os comportamentos esperados e indesejados.

“O Código de Ética auxilia os colaboradores na tomada de decisões quanto às questões duvidosas que venham ao seu conhecimento, como reportar essas questões e melhorar o ambiente de trabalha, valorizando o indivíduo, evitando sua exposição por brincadeiras jocosas e/ou tratamento discriminatórios por conta se sua raça cor, sexo, religião, entre outros”.

Uma semana após o lançamento, foi iniciado o treinamento dos colaboradores do Instituto no Rio de Janeiro, inclusive os profissionais do Hospital Estadual Adão Pereira Nunes. Todos os colaboradores do IABAS passarão por esta etapa. A primeira parte do treinamento é presencial, com exposição do conteúdo do Código. “O objetivo principal do treinamento é informar sobre a implantação de canais de denúncias, após esclarecidas as condutas esperadas”, afirma Nancy. Haverá, ainda, outras duas etapas, que terão foco no conteúdo das Leis Anticorrupção e nas consequências em caso de infrações ao Código nas relações de trabalho.

Confira aqui a nova versão.