UPAS alcançam 89% de satisfação entre os usuários


em 28/04/2014

Foto0015Para atestar a qualidade e eficiência dos serviços de saúde pública oferecidos à população das zona Norte e Oeste do Rio de Janeiro, o Instituto de Atenção Básica e Avançada à Saúde (Iabas) solicitou ao Instituto Brasileiro de Administração Pública e Apoio Universitário (IBAP-RJ) uma pesquisa de satisfação nas cinco Unidades de Pronto Atendimento (UPAS) administradas pela Organização Social. O resultado ratifica o bom trabalho realizado pelo Iabas: 89% dos usuários aprovam o atendimento nas UPAS Cidade de Deus, Complexo do Alemão, Costa Barros, Madureira e Vila Kennedy.

Para 90% dos usuários das UPAS, os médicos foram atenciosos e educados. A maioria dos entrevistados, 91%, destacou a facilidade de conseguir atendimento, relatando que o tempo de espera não passa de uma hora na maioria dos casos. Outro percentual de destaque na pesquisa é que 87% das pessoas indicariam a UPA para amigos e familiares.

“Esses números comprovam a dedicação de todos os profissionais do IABAS em, cada vez mais, atender às expectativas de quem procura atendimento numa UPA. O elevado grau de aprovação demonstra a confiança dos usuários nos serviços que são oferecidos nas unidades de urgência e emergência”, destaca o Coordenador Médico das UPAS, Dr. Edy Filho.

A Unidade de Costa Barros é a que mais se destacou. A pesquisa revelou que 93% dos atendimentos são resolvidos na primeira consulta. Além disso, tanto a equipe de médicos (90%) como a equipe de enfermagem (93%) foi elogiada pelos usuários.

O levantamento ainda mostrou que as UPAS ampliaram o acesso das pessoas aos serviços de saúde: 59% dos entrevistados avaliam ser muito importante poder contar com uma unidade próximo de casa, e 91% sentem-se mais seguros sabendo que podem contar com as UPAs.

A pesquisa do Instituto de Administração Pública e Apoio Universitário foi realizada entre 10 e 17 de março de 2014, período em que foram realizadas 2.000 entrevistas nas cinco Unidades de Pronto Atendimento. O coeficiente de confiança é de 95%.